quarta-feira, 18 de agosto de 2010

Centro de Apoio a Pesquisas e Encontros Familiares completa 15 anos

O Centro de Apoio a Pesquisas e Encontros Familiares - CAPEF - foi criado em 20 de agosto de 1995, em Teutônia, RS. Seu objetivo primordial é reunir pessoas interessadas em desenvolver a pesquisa genealógica de suas famílias.

Entendemos que o ser humano, enquadrado dentro de seu tempo e do seu meio, realiza a sua trajetória, do berço ao túmulo, cumprindo a sua missão de dar vida a outras vidas. Tudo isso não passa de uma fria enumeração de datas. Todavia, cada pessoa carrega consigo multidões de ancestrais que se refletem nos mais íntimos refolhos de sua alma. Oxalá, para explicar o homem, pudéssemos, à luz da genealogia, conhecer essas multidões, em seus aspectos físicos, morais, intelectuais, psíquicos e religiosos. Neste propósito, além de auxiliar as pessoas na organização de sua árvore genealógica e de conhecer a história de seus antepassados, o CAPEF vem se reunindo mensalmente e resgatando a história dos ancestrais. É de compreensão dos membros do CAPEF que todo o povo precisa conhecer a trajetória e história de seus antepassados. Conhecer valores éticos, morais e disciplinares de nossos avós e bisavós dá-nos fundamentos para a construção de nossos próprios valores.

A partir de março de 2004, o CAPEF tem sua sede oficial à Rua Maurício Cardoso, 912, no bairro de Teutônia, em Teutônia-RS, cedido pela Prefeitura Municipal desta cidade. Com a disponibilidade de amplo espaço físico, pretende implantar dinâmicas que venham em benefício do crescimento cultural de cada um de seus participantes e colaboradores. Em 2002 iniciou importante trabalho de parceria com a Prefeitura Municipal de Westfália-RS, onde as crianças das escolas do município participaram do levantamento histórico e genealógico de suas famílias. Coordenado pelo confrade Lothar Schäffer, estamos procedendo a levantamento de nomes constantes em registros das comunidades religiosas locais e dos seus cemitérios. Paralelamente, procura-se conhecer a história das localidades e de seus protagonistas. Visando contribuir para o aperfeiçoamento cultural de seus associados e com vistas ao incentivo à leitura de literatura alemã (também portuguesa e brasileira), o CAPEF criou a sua biblioteca. Os parcos recursos em caixa possibilitaram-nos a aquisição de algumas obras, todavia, cabe-nos registrar a doação de 1.000 volumes pelo frei Rovílio Costa, editor do Correio Riograndense. Também recebemos 200 livros em língua alemã do senhor Max Breuel, de Porto Alegre, além de vinte volumes em língua alemã, doados pela Massolin Fiori Societá Italiana, a quem agradecemos de coração pela importante doação.

O Centro de Apoio a Pesquisas e Encontros Familiares solicita a todas as pessoas que quiserem doar livros em língua alemã e/ou portuguesa que os remetam a esta instituição. Todos os livros deverão ser encaminhados para a sede da Entidade. A diretoria da instituição agradece, antecipadamente, pelas remessas ao Centro de Apoio a Pesquisas e Encontros Familiares, que atende a mais de 30 municípios.
Comunicações poderão ser feitas pelo e-mail do Capef:

Para as pessoas mais idosas e aquelas que, por razões financeiras, são impedidas de viajar a Alemanha ou a seus países de origem, instalamos uma sala com audiovisuais, contendo TV de 29 polegadas, DVD e vídeo, adquiridos com recursos doados pela senhora Anni Ehmann, em sua recente visita da Alemanha ao Brasil. Recebemos como doação da família de nosso sempre lembrado sócio Werno Alberto Lohmann, uma belíssima coleção de fitas de vídeo sobre a Alemanha e a Suíça. Assim, podemos levar diversas cidades, acontecimentos e cultura alemã àqueles impossibilitados de viajar ao Velho Continente. O CAPEF agradece também pela remessa de material do gênero, bem como de qualquer outra manifestação cultural. As reuniões do CAPEF acontecem no segundo sábado de cada mês, à tarde. O Capef já desenvolveu dois cursos de genealogia de forma gratuita para os seus associados sobre o uso de software na organização dos dados da pesquisa genealógica. Além disso, já organizou diversas viagens com seus sócios, com a finalidade de aquirir novos conhecimentos e para ampliar as suas pesquisas. E organizou também uma viagem à Alemanha em julho de 2007, em que levou o grupo de danças gaúchas Anita Garibaldi, de Encantado, para participar do X Festival Internacional do Folclore na cidade de Laggenbeck. Para o mês de julho de 2012 estará organizando outra viagem a Alemanha com o mesmo objetivo.

Fonte:
Derli Wolf - Secretário
Eloni José Salvi - Presidente


CENTRO DE APOIO A PESQUISAS E ENCONTROS FAMILIARES - CAPEF – 15 ANOS.

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Não serão aceitos comentários Anônimos (as)
Comentar somente sobre o assunto
Não faça publicidade (Spam)
Respeitar as opiniões
Palavras de baixo calão nem pense
Comentários sem Perfil não será publicado
Quer Parceria não será por aqui.(Contato no Blog)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Link - me



Software do Dia: Completo e Grátis

Giveaway of the Day

Suas Férias

PageRank

  ©LAMBARITÁLIA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo