terça-feira, 24 de agosto de 2010

Alerta: avanço do mar já está reduzindo faixa de areia no Brasil



Um estudo apresentado durante a 62ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), realizado no fim de julho no Rio Grande do Norte, trouxe dados que mais uma vez evidenciam os efeitos do aquecimento global sobre o planeta.


Avanço do Mar em João Pessoa, Paraíba
Clique para ampliar

O estudo confirma aquilo que os moradores da orla marítima já sabem há muito tempo: a areia das praias do litoral brasileiro está perdendo espaço com o avanço do mar.
Para o geólogo e geógrafo Dieter Muehe as mudanças climáticas estão provocando tempestades em ritmo acelerado e a elevação acelerada do nível do mar na costa brasileira já é uma realidade. Alguns exemplos recentes como as ressacas que ocorreram na Praia da Armação, em Florianópolis, SC, ou na Praia da Caueira, em Itaporanga d’Ajuda, em Sergipe, mostraram a vulnerabilidade das faixas de areia que correm o risco de desaparecer das praias do Brasil.
“As regiões urbanas são as que correm mais risco. Isso está acontecendo em várias praias do Rio de Janeiro, como Piratininga, Ipanema e Cabo Frio”, disse Muehe.


Avanço do Mar em João Pessoa, Paraíba
Clique para ampliar

Ao lado das mudanças no clima, a ação direta do homem também contribui de forma significativa para a resposta do mar. Construções muito próximas da praia que invadem a faixa de areia são as primeiras a serem atingidas pela maré alta, obrigando no futuro a desocupação da região.
Segundo Muehe, a situação pode ser revertida por meio de dragagens com areias idênticas às da praia ou mais grossas. Segundo o especialista, é preciso fazer valer a lei e respeitar a distância prevista para as construções ao longo da orla, que variam de 50 a 200 metros do mar. Em grande parte da orla brasileira essa distância não é respeitada e os impactos do mar são visíveis a cada ano que passa.
Muehe acrescentou em seu estudo que já existem algumas praias no mundo em que a areia é reposta anualmente. No entender do pesquisador, no Brasil essas ações precisam ser intensificadas e coordenadas de forma mais eficiente e objetiva e pouca coisa está sendo feita nesse sentido.


Fotos: Os efeitos do avanço do mar são notáveis nestas duas imagens. O hotel mostrado, localizado na Orla de João Pessoa, na Paraíba, ainda não sofria com a elevação do nível do oceano quando foi concluído em 1971. Com o passar dos anos, o avanço do mar atingiu a construção e pode no futuro obrigar a desativação do local ou até mesmo sua remoção. Crédito: Apolo11.com
Direitos Reservados
Ao utilizar este artigo, cite a fonte usando este link:
Fonte: Apolo11 - http://www.apolo11.com/mudancas_climaticas.php?posic=dat_20100824-101600.inc
Apolo11.com - Todos os direitos reservados

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Não serão aceitos comentários Anônimos (as)
Comentar somente sobre o assunto
Não faça publicidade (Spam)
Respeitar as opiniões
Palavras de baixo calão nem pense
Comentários sem Perfil não será publicado
Quer Parceria não será por aqui.(Contato no Blog)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Link - me



Software do Dia: Completo e Grátis

Giveaway of the Day

Suas Férias

PageRank

  ©LAMBARITÁLIA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo