quarta-feira, 15 de setembro de 2010

SOS Tubarão

É o oposto de morder a mão que te alimenta. Desta vez, é um grupo de pessoas que foram vítimas de mordidas de tubarão em campanha para salvar este animal em perigo: a cada ano, cerca de setenta e três milhões de tubarões são mortos. 

Em uma ação coordenada pelo grupo Pew Environment, nove sobreviventes de ataques de tubarão de cinco países (E.U.A., Reino Unido, Austrália, África do Sul e França) decidiram levar a luta para salvar esse animal para o edifício das Nações Unidas em Nova York. Esta semana, a ONU se reúne para fazer o seu relatório anual sobre os Objectivos de Desenvolvimento do Milênio, entre as quais figura a protecção da biodiversidade.
Debbie Salamone, de Florida, foi vítima de um ataque por um tubarão, em que perdeu o seu tendão de Achilles. Remata: "Se um grupo como nós pode ver o valor na poupança de tubarões, não pode todo o mundo?"

A pesca comercial tem levado o tubarão à beira da extinção

Cerca de 73 milhões de tubarões são mortos todos os anos - cerca de um bilhão a cada década, muitos deles com suas barbatanas decepadas para fazer sopa de barbatana de tubarão, antes de os peixes vivos ainda, serem jogados de volta na água, para morrerem. Apenas cerca de 40 países já implementaram planos de gestão dos tubarões para proteger estes peixes, de que trinta por cento das espécies estão agora sob ameaça de extinção, enquanto outros 47 por cento encaram esta possibilidade.

Paul de Gelder, um mergulhador da marinha australiana, pergunta: "Será que temos o direito de conduzir qualquer animal à beira da extinção antes que qualquer ação seja tomada?"

A resposta é não, não temos o direito, nem devemos, porque há provas claras de que se o tubarão, um dos principais predadores no topo da cadeia alimentar, como os seres humanos, for removido, então irá perturbar o equilíbrio da vida nos oceanos e que isso poderia ter conseqüências extremamente negativas.

Segundo a ONU, os cientistas encontraram uma relação directa entre um declínio das populações de tubarões e um declínio na saúde dos recifes de coral. Parece que sem os tubarões para abaterem os peixes, os corais tornam-se estéreis, são atacados pelas algas e morrem.

2010 é o Ano Internacional da Biodiversidade, mas é também aquele em que o tubarão, que nada nos nossos mares desde antes que o tempo dos dinossauros, está em vias de extinção devido à pesca excessiva. Desde 1970, certas espécies de tubarões ao longo da Costa Leste dos E.U.A. diminuíram em número cerca de 80%, enquanto na Europa o valor é ainda pior, situando-se em 90%. Algumas espécies do Mediterrâneo, como o anequim, tubarão-sardo, debulhador e tubarões-martelo caíram 97%. Eles estão quase extintos.

Alguns países tomaram medidas muito positivas. Primeira Palau (Oceano Pacífico, 2009), em seguida, as Maldivas (Oceano Índico, 2010) declararam suas águas internacionais santuários para tubarões e atualmente o grupo Pew está trabalhando para a aprovação de uma lei de conservação do tubarão nos E.U.A..

O que precisamos é de uma proibição mundial da remoção das barbatanas de tubarões no mar e para um limite a ser estabelecido sobre o número de tubarões que podem ser capturados. Ora, se estas medidas são universalmente respeitadas e implementadas, é outra questão.

Parece que a humanidade só vai acordar um dia, quando já é tarde demais, quando dizimaram toda a vida à nossa volta e poluíram o planeta além do reparo. Em seguida, será a vez da Mãe Natureza para se livrar de nós e voltar para uma existência em perfeita harmonia.

Pesquisa: UNO, Pew Group, www.sharkalliance.org
Timothy Bancroft-Hinchey
Pravda.Ru 

Fonte: Pravda.ru

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Não serão aceitos comentários Anônimos (as)
Comentar somente sobre o assunto
Não faça publicidade (Spam)
Respeitar as opiniões
Palavras de baixo calão nem pense
Comentários sem Perfil não será publicado
Quer Parceria não será por aqui.(Contato no Blog)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Link - me



Software do Dia: Completo e Grátis

Giveaway of the Day

Suas Férias

PageRank

  ©LAMBARITÁLIA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo