sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Calendário Pirelli em filme

Paris - O calendário Pirelli se transforma em filme: sua história, de 1964 a 2010, os bastidores, as curiosidades, são contados pela primeira vez no documentário 'A saga do calendário Pirelli' realizado por Emmanuel le Ber, com base em uma ideia de Dominique Miceli, produtora de TV de programas de moda, que será transmitido em 13 de novembro no canal francês Paris Premiere. Em locações de sonho, as top model mais requisitadas, atrizes internacionais e fotógrafos famosos fizeram a fama deste calendário de prestígio - pesando 2 quilos e medindo 61 centímetros de comprimento, projetado para garagens, dado de presente aos vendedores de pneus, que logo se tornou um objeto de culto cobiçadíssimo. Com uma tiragem de só 20 mil exemplares por ano, os felizardos eram um número limitado de clientes importantes da Pirelli e Vip. Custo: cerca de US$ 2 milhões.

"Mas é uma importante ferramenta de marketing, explica Gioacchino del Balzo, coordenador e consultor do calendário Pirelli, há um retorno do investimento estimado entre 60% e l'80%".

"O calendário Pirelli é um mito, é uma homenagem à mulher, às vezes antecipa os costumes da sociedade, frequentemente é o seu espelho, com seus códigos estéticos e os arquétipos, e marca o futuro", disse o estilista alemão Karl Lagerfeld que será o fotógrafo da próxima edição do calendário, a ser apresentado em Moscou em 30 de novembro.

Entre os fotógrafos que assinaram o calendário estão Robert Freeman (o primeiro, em 1964), Peter Knapp, Harry Peccinotti, para as edições de 1968 e de 1969, "os anos eróticos, o hino para a libertação da feminilidade", explica no filme (apresentado ontem à noite em Paris à imprensa internacional) o próprio autor dos cliques.

Em 1972 com Sarah Moon, a primeira mulher fotógrafa do calendário, surgem os primeiros seios à mostra e depois em 1973, com Brian Duffy, o primeiro nu integral.

A publicação do calendário é interrompida em 1974 devido à recessão econômica mundial, provocada pela crise do petróleo. Será retomada 10 anos mais tarde e, desde então, o calendário é publicado regularmente.

Grandes nomes continuaram a celebrar as curvas do corpo feminino: Richard Avedon, Peter Lindbergh, Bruce Weber, Terry Richardson, Mario Testino, Patrick Demarchelier, Annie Leibovitz. Entre as modelos históricas que posaram estão Naomi Campbell, Heidi Klum, Cindy Crawford, Laetitia Casta, Kate Moss, Eva Herzigova, Gisele Bundchen. Depois foi a vez de atrizes famosas, como Sophia Loren, Monica Bellucci, Ines Sastre, Penepole Cruz.

"É o calendário dos rostos do nosso tempo", explicou Lagerfeld, honrado por estar entre os nomes que assinam o calendário lendário.


Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Não serão aceitos comentários Anônimos (as)
Comentar somente sobre o assunto
Não faça publicidade (Spam)
Respeitar as opiniões
Palavras de baixo calão nem pense
Comentários sem Perfil não será publicado
Quer Parceria não será por aqui.(Contato no Blog)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Link - me



Software do Dia: Completo e Grátis

Giveaway of the Day

Suas Férias

PageRank

  ©LAMBARITÁLIA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo