quinta-feira, 14 de outubro de 2010

Nova Iorque: cidadãos confundem balões com UFOs e entram em pânico

Muita calma nesta hora...
 Enganos: a intensificação dos erros de interpretação. Crédito: matt52883 
 
Por Paulo R. Poian

Manhattan esteve em alerta nesta quarta-feira, depois de várias pessoas terem olhado para o céu e confundido balões com naves extraterrestres. Apesar do susto, que motivou diversas chamadas telefônicas de gente em pânico para a polícia, tratavam-se de bexigas lançadas na Times Square, devido a celebração do centenário da Gran Via de Madrid, como podemos verificar na notícia do The Epoch Times [Traduzido em português, clique aqui], por exemplo.

Entretanto, ao contrário do que já aconteceu, as autoridades demoraram para explicar que tipo de objetos cintilantes sobrevoaram a cidade - provavelmente devido aos cuidados com segurança e tráfego intenso de transeuntes, em tempos de alertas contra terrorismo - aumentando ainda mais as especulações e alterando as emoções. Testemunha do ocorrido, o repórter do jornal Daily News Joseph Torres ajudava a desencadear rumores, ao relatar com assombro aquilo que via. “Estou perplexo. Como é possível que seja normal? Algo se passa!”.

Muitos nova-iorquinos cairam no exagero e deixaram-se envolver pelo clima. Durante a tarde, a polícia de Nova Iorque e a Agência Federal de Aviação (FAA) receberam inúmeras chamadas de quem jurava ter visto UFOs pairando sobre Manhattan. "Diziam ter visto objetos estranhos e prateados no céu", afirmou o porta-voz da FAA, Jim Peters.

Foi um espectador do canal Fox 5 que resolveu o mistério. "Enviou um e-mail ao canal de televisão explicando que os tais discos voadores eram os balões da comemoração do centenário da Gran Via na Broadway", explica Peters. As bexigas resultaram de uma campanha para promover o turismo em Madrid e na Gran Via, "o coração da cidade".

Assista ao vídeo: http://www.ufo.com.br/noticias/nova-iorque-cidadaos-confundem-baloes-com-ufos-e-entram-em-panico

É de se imaginar a quantidade de casos semelhantes existentes. Lembramos sempre que todo cuidado é pouco e a necessidade de se filtrar informações, vasculhando fontes e investigando as possibilidades, pois a hipótese ufológica é a última - e não, a primeira, como pode parecer aos incautos - a ser levada em consideração, somente após descartadas todas as demais. Mais um equívoco desvendado.



Agradecimentos a:
Paulo R. Poian. Consultor da Revista UFO Brasil

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Não serão aceitos comentários Anônimos (as)
Comentar somente sobre o assunto
Não faça publicidade (Spam)
Respeitar as opiniões
Palavras de baixo calão nem pense
Comentários sem Perfil não será publicado
Quer Parceria não será por aqui.(Contato no Blog)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Link - me



Software do Dia: Completo e Grátis

Giveaway of the Day

Suas Férias

PageRank

  ©LAMBARITÁLIA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo