terça-feira, 30 de novembro de 2010

Bases extraterrestres e contatos decanos revelados na Itália

Caso excepcional de pessoas convivendo com alienígenas
A possível foto de um dos seres, com altura comparada a um humano de estatura mediana. Crédito: Masscontactinterview


Por Michael Salla - Tradução: Marco A. V. Hernandes 


Um enigmático grupo de extraterrestres semelhantes a humanos, que estabeleceram bases subterrâneas na Itália e se reuniram com moradores locais, entre 1956 e 1978. O autor do livro Mass Contacts [Contatos em Massa, AuthorHouse, 2009], Stefano Breccia, ufólogo italiano, possui formação em engenharia elétrica e lecionou em várias universidades do país e estrangeiras.

Ele investigou o Caso Amicizia [Amizade] durante longo período, por várias décadas, tempo em que pôde conhecer e questionar muitas das principais testemunhas. Breccia incluiu o depoimento de Bruno Sammaciccia, um estudioso italiano altamente qualificado com formação em psicologia e psiquiatria, autor de 160 livros. O testemunho de Sammaciccia contém suas reivindicações de contato físico direto com extraterrestres durante décadas.

O ufólogo Roberto Pinotti [Correspondente internacional da Revista UFO e autor do livro OSNIs: O Enigma dos Objetos Submarinos Não Identificados] escreveu o prefácio para a obra e reconheceu o seu próprio conhecimento do caso e das muitas provas que o sustentam. Algumas das fotos tiradas de UFOs e extraterrestres constam entre as de melhor qualidade já feitas. Em termos de impacto global, o número de participantes envolvidos e as provas documentais compiladas, é um dos casos mais surpreendentes de contato com extraterrestres na história moderna.

Pinotti descreveu seu espanto de ouvir seu professor da universidade falando sobre extraterrestres, enquanto prestava seu exame final de doutorado na Universidade de Florença, em 1969. Após se aproximar do mesmo, foi capaz de confirmar que "um grupo de extraterrestres vindos de estrelas distantes tinham construído uma grande estrutura subterrânea ao longo da costa do mar Adriático".

Somente após o falecimento de Sammaciccia, em 2003, o ufólogo decidiu revelar a parte que conhecia dos fatos, "porque em seu testamento havia a solicitação de sua história ser divulgada, sem causar problemas para ninguém, eu sabia que era o meu dever de contribuir para a verdade, tanto quanto possível", declarou Pinotti.

A história começou em 1956, quando Bruno Sammaciccia e dois amigos encontraram-se com dois indivíduos misteriosos, que disseram ser extraterrestres. Um deles tinha mais de 2,45 metros de altura, enquanto o outro pouco mais de um metro. Os três amigos, inicialmente céticos, acabaram levados para uma base subterrânea, onde viram mais destas entidades.

Eles também presenciaram seus filhos [Dos ETs] serem educados, algumas das tecnologias avançadas que utilizavam e suas naves espaciais. Finalmente convencidos de que estavam realmente tendo contato físico com os alienígenas, começaram a ajudá-los, através apoio material, organizando caminhões de frutas, alimentos e outros suprimentos, transportados e descarregados em uma base extraterrestre. Dois veículos carregados eram entregues todos os meses para bases em diferentes regiões da Itália, onde conviveram...
 
Leia material completo 

Agradecimentos a:
Paulo R. Poian.
Consultor da Revista UFO Brasil

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Não serão aceitos comentários Anônimos (as)
Comentar somente sobre o assunto
Não faça publicidade (Spam)
Respeitar as opiniões
Palavras de baixo calão nem pense
Comentários sem Perfil não será publicado
Quer Parceria não será por aqui.(Contato no Blog)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Link - me



Software do Dia: Completo e Grátis

Giveaway of the Day

Suas Férias

PageRank

  ©LAMBARITÁLIA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo