quarta-feira, 26 de janeiro de 2011

Centro de Referência Virtual do Professor está de cara nova

O Centro de Referência Virtual do Professor (CRV) vai abrir o ano escolar com novo visual e conteúdo atualizado. Portal da Secretaria de Estado de Educação (SEE), o CRV é uma ferramenta de apoio ao professor e está com um layout mais leve, uma distribuição melhor dos elementos da página, além de novos conteúdos. Dentre as novidades, destacam-se a inclusão de hotsites especiais para projetos da SEE, além da ampliação do acervo de vídeos, disponível na Biblioteca Virtual do site. Durante as férias, o CRV registrou uma média de 35 mil visitas diárias, mas com o retorno das aulas os acessos devem ultrapassar os 50 mil por dia. “O CRV atrai a cada dia mais acessos, pois é uma ferramenta muito importante para que a informação, a orientação e a discussão cheguem a todas regiões do Estado com a mesma velocidade e amplitude. O portal é uma forma de a gestão caminhar a passos largos e de mãos dadas com a modernidade tecnológica”, analisa a subsecretária de Informações e Tecnologias Educacionais da SEE, Sônia Andere Cruz. 

A criação de hotsites dentro do ambiente do CRV ampliou a oferta de conteúdo para os professores. Projetos pedagógicos da Secretaria de Estado de Educação ganharam um espaço específico no portal para expor suas atividades. O projeto Afrominas, por exemplo, tem o objetivo de valorizar a cultura afro-brasileira e agora conta com um hotsite. Outra novidade em termos de conteúdo foram os módulos didáticos nas áreas de temáticas especiais. Divididos em três áreas - ambiental, afetivo-sexual e étnico-racial - os módulos estão dispostos na Biblioteca Virtual do portal e oferecem ao professor uma carga de leitura complementar para os CBCs. “É muito importante ter esse espaço. O CRV é muito visitado e agora os professores vão ter facilidade para encontrar material sobre temas especiais. Fica mais fácil definir a melhor forma de trabalhar essas temáticas em sala”, explica Guiomar Jardim Leão, superintendente de Modalidades e Temáticas Especiais de Ensino da SEE. 

Estão disponíveis no portal do CRV também uma coleção de 125 vídeos pedagógicos. A Coleção Memória Didática foi incluída este ano e é fruto de uma parceria entre Secretaria de Estado de Educação e Escola de Belas Artes da UFMG, que recuperou e digitalizou todo esse arquivo de vídeo em película. Originalmente produzida pelo Programa de Assistência Brasileiro-Americana ao Ensino Elementar, entre 1956 e 1963, a coleção conta com vídeos de temáticas variadas, desde a história do petróleo, passando por um documentário sobre o canal do Panamá, até um vídeo que mostra o funcionamento do ouvido humano. Segundo Maria das Dores Simil, coordenadora do CRV, os professores terão a oportunidade de contextualizar esse material com as novas técnicas de ensino. “Eu acredito que todos os professores, de todas as áreas e disciplinas, podem utilizar os vídeos como recurso didático auxiliar, de forma contextualizada dentro da disciplina e com os recursos atuais”.

Ferramenta de apoio

O conteúdo do Centro de Referência Virtual do Professor é vasto. No portal o professor consegue encontrar desde as orientações sobre o Currículo Básico Comum (CBC) ou a legislação que aponta as diretrizes do ensino, até orientações pedagógicas sobre a melhor forma de abordar determinadas temáticas em sala de aula. Além disso, o professor ainda tem à disposição um enorme acervo de informações complementares na Biblioteca Virtual e um fórum de discussão no qual pode se comunicar com outros docentes e discutir práticas pedagógicas.

Criado em 2005, o CRV passa agora pela sua segunda reformulação. Para garantir que o acesso à informação seja o mais fácil possível, o site apostou na navegabilidade. “A reformulação do CRV deu ênfase aos conteúdos pedagógicos, que são os que os professores vão usar em sala de aula. O espaço está melhor aproveitado para que o professor encontre com facilidade seu tema de interesse”, disse Maria das Dores Simil.

A professora Iris Silva Costa, que leciona física para alunos do 3º ano do Ensino Médio criou o hábito de recorrer ao CRV para elaborar suas aulas. Ela utiliza recursos do portal para incrementar as aulas de física e atrair a atenção dos estudantes. “Eu descobri o CRV há pouco tempo, mas já gosto muito das opções que ele oferece. Costumo usar muito a parte de vídeos, pois a variedade é grande e deixa as aulas mais interessantes”, conta a professora.
jornalvarginhahoje

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Não serão aceitos comentários Anônimos (as)
Comentar somente sobre o assunto
Não faça publicidade (Spam)
Respeitar as opiniões
Palavras de baixo calão nem pense
Comentários sem Perfil não será publicado
Quer Parceria não será por aqui.(Contato no Blog)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Link - me



Software do Dia: Completo e Grátis

Giveaway of the Day

Suas Férias

PageRank

  ©LAMBARITÁLIA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo