sábado, 19 de fevereiro de 2011

A surpreendente credibilidade da Ufologia na China

Investigação do Fenômeno UFO é apoiada pelo governo, onde oficiais e acadêmicos admitem que ETs estão na Terra
Por Paul Chen/Agoracosmopolitan - Tradução: lhas3126 - Adaptação: Paulo Poian 
 
Suposto UFO captado em Shangai no ano passado.
Crédito: Inchina
No ocidente industrializado surgiu o dogma prevalecente e pseudo-religioso de que os seres humanos são o "centro" da criação de Deus no universo. Esta é a motivação ideológica por trás do contínuo descrédito dos contatos que tantas pessoas pelo mundo alegaram ter presenciado com UFOs e ETs. Tornou-se o equivalente moderno de seu dogma correspondente, de que "o mundo é plano", da Igreja de outros séculos, declarando ser a verdade. 
 
 
Em contraste, livre das mistificações com base ocidental, o meio budista da China liberou sua comunidade científica, com o apoio do governo e a participação da comunidade para tentar explorar as incidências e aparições de UFOs, assim como as provas do contato humano com extraterrestres.

Ciência apreciada e devidamente reconhecida

A agência de notícias Izvestia relatou que na China existe um número recorde de pesquisas e desenvolvimento científico em organizações baseadas na comunidade ufológica. Haveria muitos estudiosos até mesmo tentando estabelecer algum tipo de contato com extraterrestres. Suas ações seriam protegidas pela Sociedade Nacional de Estudos Extraterrestres, fundada há 25 anos. Esta entidade de pesquisa seria financiada pelo governo, e apenas cientistas profissionais e engenheiros permitidos como membros. A pessoa também deveria ter doutorado em ciências e várias obras publicadas sobre o Fenômeno UFO. Cerca de um terço de todos os associados seriam membros do governo chinês.

A valorização cívica e estudo de vida extraterrestre na China não parecem sistematicamente marginalizados como no caso do ocidente, que tenta usar seus dogmas para ridicularizar as iniciativas acadêmicas, da comunidade de pesquisa ufológica e o trabalho de grupos de estudos sobre exopolitica. Centenas de cientistas e engenheiros da nação realizariam estudos aprofundados da presença alienígena na Terra.

Alguns cientistas do país dizem, inclusive, que alienígenas vivem entre os humanos. Entre os defensores dessa idéia se inclui Sun Shi-Li [Correspondente internacional da Revista UFO], um oficial aposentado do Ministério das Relações Exteriores da China e presidente da Sociedade de Pesquisa Ufológica de Pequim, que também conclui que os Waixingren (extraterrestres) estão vivendo entre nós.

Um encontro de Sun Shi-Li com o fenômeno teria ocorido pela primeira vez em 1971, quando foi enviado para os campos do interior durante a "revolução cultural chinesa" promovida pelo ditador Mao Tsé Tung (1966-1976). Um dia, enquanto ele labutava no campo, sua atenção foi desviada para um objeto brilhante no céu, que subiu e desceu várias vezes. No início, Li assumiu que o espetáculo fosse uma espécie de dispositivo de monitoramento de inteligência da Guerra Fria entre oriente e ocidente, uma dedução razoável considerando aqueles tempos. No entanto, anos mais tarde, depois de ler matérias estranhas sobre avistamentos de UFOs, ele soube que tinha experimentado um encontro com UFO.

"Pesquisa [com base ética] em UFOs poderia ajudar a estimular novas formas de viagens em alta velocidade, fontes ilimitadas de combustíveis de energia não poluente e o crescimento rápido de culturas e plantas para alimentação", afirmou Li. E ele não é o único especialista no país que já presenciou discos voadores. De acordo com o cientista de foguetes Shen Shituan, presidente da Universidade Aeroespacial de Pequim e diretor honorário da China UFO Research Association, com cerca de 50.000 membros, cada relatório de um encontro alienígena vale a pena investigar.

''Alguns destes avistamentos são reais, alguns falsos e outros não muito claros'', disse Shituan. ''Todos esses fenômenos são dignos de pesquisa". Ele não descarta prontamente os relatos como seus homólogos ocidentais da comunidade científica, incluindo os créditos para um trabalhador de que os alienígenas entraram em sua casa de Pequim, enquanto a mulher e o seu filho estavam presentes, raptaram-no e o levaram até um lugar 265 km a leste.

Extraterrestres entre nós

A história de abdução alienígena mais conhecida na China é o caso... 
 
 
 
Agradecimentos a:
Paulo R. Poian.
Coordenação Portal da Ufologia Brasileira 
Consultor da Revista UFO Brasil

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Não serão aceitos comentários Anônimos (as)
Comentar somente sobre o assunto
Não faça publicidade (Spam)
Respeitar as opiniões
Palavras de baixo calão nem pense
Comentários sem Perfil não será publicado
Quer Parceria não será por aqui.(Contato no Blog)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Link - me



Software do Dia: Completo e Grátis

Giveaway of the Day

Suas Férias

PageRank

  ©LAMBARITÁLIA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo