quinta-feira, 24 de março de 2011

Curso da MUFON - compreenda a importância da seriedade na pesquisa científica dos UFOs

Quando o treinamento termina, os estagiários vão à campo investigar por si mesmos e são avaliados cotidianamente
Por Paulo R. Poian

"O estudo científico do Fenômeno UFO para o beneficio da humanidade" (MUFON)

A conhecida e respeitadíssima Mutual UFO Network (MUFON) iniciou-se no ano de 1969, pegando de onde a Força Aérea Norte-Americana (USAF) havia parado após o suposto término do projeto Blue Book. Foi estabelecida como entidade investigativa de Ufologia em 30 de maio de 1969, a fim de dar credibilidade ao assunto. 
 


A organização possui agora milhares membros em todo o mundo, operando uma rede global de diretores regionais [O ufólogo e editor da Revista UFO, A. J. Gevaerd, é diretor nacional da entidade no Brasil] para investigações de campo, de aparições e relatos sobre UFOs ou objetos voadores não identificados. É realizado um congresso internacional anual e publicado o jornal mensal MUFON.

Sua missão é o estudo científico dos UFOs, com metodologia, investigação, pesquisa, instrução e a educação. Antes de iniciar a investigação real, decorrente de um relatório ufológico, o investigador de campo estagiário precisa de uma base completa nas seguintes áreas:

Ética Investigativa - Mais importante, o estagiário deve entender e respeitar o princípio do anonimato - identificadores de retenção de identidade testemunhal quando pessoas que não fazem parte do relatório assim desejarem ou sob sua avaliação no prazo da MUFON;

Métodos de entrevista - Preparação, controlando a configuração, a seqüência da obtenção de um relato completo, reconhecendo as percepções sensoriais, analisar a linguagem corporal da testemunha, escuta ativa, a interpretação do relato oral e tirando conclusões. São de vital importância;

Contatos colaterais - Em uma determinada circunstância, o estagiário deve estar ciente de para manter contato com funcionários públicos e/ou outros, entes de resolver potencialmente o relatório como um equívoco, determinar a confiabilidade das pessoas, como testemunhas, ou identificar outras que possam ter testemunhado e relatado o mesmo evento;

Formação técnica - Uma experiência de trabalho deve ser enviada para o estagiário sobre os temas de anomalias climáticas, astronomia, aeronaves convencionais (principalmente as configurações de iluminação), os satélites no espaço, equipamento fotográfico e métodos, e as ciências do solo;

Back Ground Check [Checagem e Verificação] - A MUFON irá realizar um criterioso Back Ground, verificar todos os candidatos antes da emissão de uma denominação para investigador de campo. Se ficar determinada que a seleção não é aceitável para MUFON, o campo de designação investigador não será entregue ao requerente.

 
 
Agradecimentos a:
Paulo R. Poian.
Coordenação Portal da Ufologia Brasileira 
Consultor da Revista UFO Brasil

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Não serão aceitos comentários Anônimos (as)
Comentar somente sobre o assunto
Não faça publicidade (Spam)
Respeitar as opiniões
Palavras de baixo calão nem pense
Comentários sem Perfil não será publicado
Quer Parceria não será por aqui.(Contato no Blog)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Link - me



Software do Dia: Completo e Grátis

Giveaway of the Day

Suas Férias

PageRank

  ©LAMBARITÁLIA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo