quarta-feira, 27 de abril de 2011

SETI suspende busca por sinais extraterrestres

SETI
Por Paula Rothman/INFO Online 
Hibernação por corte radical de verbas
O Search for Extraterrestrial Intelligence [Busca por Inteligência Extraterrestre, SETI], uma das mais famosas organizações de busca por sinais de vida inteligente fora da Terra, foi obrigado a paralizar seus telescópios por falta de verba. A organização foi fundada em 1984 e, hoje, emprega 150 cientistas, educadores e funcionários.

Entre outras coisas, seu conjunto de telescópios Allen, na Califórnia, busca por sinais produzidos por vida fora do planeta. A principal diferença, segundo o SETI, entre um transmissor artificial e um processo natural de emissão de freqüências é a largura do seu espectro. Qualquer sinal menor do que 300 Hz de largura é, até onde se sabe, produzido artificialmente. Além destes, o SETI também busca por sinais que sejam completamente polarizados ou no qual estejam contidas informações ou padrões.

A paralisação dos telescópios Allen se deve ao corte de fundos federais e estaduais da Universidade da Califórnia- Berkley, parceira da entidade. Os fundos da National Science Foundation destinados aos observatórios de rádio da universidade foram cortados a apenas um décimo do que eram. Isso se somou com reduções de gastos do Estado da Califórnia, que minimizou a verba destinada às pesquisas.

Em um e-mail enviado em 22 de abril, o CEO do Instituto SETI, Tom Pierson, descreveu a decisão da universidade de reduzir as operações de seu Observatório de Rádio Hat Creek, o que conseqüentemente significa um corte de financiamentos ao SETI e obriga a entidade a colocar seus aparelhos em estado de hibernação. Em nota, o instituto informa que a parada não poderia ter ocorrido em pior momento: nos próximos dois anos, iria examinar os mais de 1.200 pequenos planetas recém descobertos pela missão Kepler, da Agência Espacial Norte-Americana (NASA).

No mês de fevereiro, havia captado um sinal que surpreendeu até mesmo técnicos da NASA. A entidade está pedindo doações e pretende conseguir ajuda do governo – apelando para o fato de que seus telescópios poderiam ser úteis para uso da Força Aérea. O montante necessário para as pesquisas nos próximos dois anos são de aproximadamente 5 milhões de dólares.
 
 
Agradecimentos a:
Paulo R. Poian.
Coordenação Portal da Ufologia Brasileira 
Consultor da Revista UFO Brasil

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Não serão aceitos comentários Anônimos (as)
Comentar somente sobre o assunto
Não faça publicidade (Spam)
Respeitar as opiniões
Palavras de baixo calão nem pense
Comentários sem Perfil não será publicado
Quer Parceria não será por aqui.(Contato no Blog)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Link - me



Software do Dia: Completo e Grátis

Giveaway of the Day

Suas Férias

PageRank

  ©LAMBARITÁLIA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo