quarta-feira, 13 de julho de 2011

Agora é a vez da China se lançar ao espaço para explorar Lua, Vênus e Marte

Por Guilherme Abati/Henrique Cesar Ulbrich/Geek 
Projeto iniciado
Imagem de alguns dos equipamentos e tecnologia relativos ao programa espacial do país. Crédito: Izakoo
Como os EUA diminuem suas iniciativas espaciais, muitos começam a crer que os chineses, devido ao assombroso crescimento econômico e tecnológico, podem alcançar a posição de líderes da exploração espacial, batendo os norte-americanos, que desde o fim da corrida armamentista é o país dominante do espaço sideral.

O site TG Daily divulgou a notícia que a China estaria intensificando suas aspirações de explorar a Lua e os planetas Vênus e Marte. O país, de acordo com a Associeted Press, pretende enviar um veículo rover à Lua até 2013 e um astronauta até 2020. "A liderança que uma nação mantém no espaço é altamente simbólica, pois demonstra ao planeta o poderio tecnológico, militar e a influência internacional exercidas por um país sobre o restante do globo. Um declínio na liderança espacial será visto como símbolo de um declínio do poder e da influência dos EUA", disse Scott Pace, um administrador da Agência Espacial Norte-Americana (NASA) durante a administração Bush e defensor para o envio de astronautas americanos de volta à Lua.

Alguns funcionários da agência e do governo estão preocupados com a possibilidade da China militarizar o espaço, já que as iniciativas ocorridas acima da atmosfera são executadas pelo Exército Nacional da nação. Refutando a idéia de militarização do espaço por parte da China, Li Longchen, ex-editor da Space Probe Magazine disse que "a tecnologia espacial pode ser aplicada tanto para uso civil como para uso militar, a China não tem por objetivo enfatizar os fins militares".

Os chineses têm sua agência espacial - a China National Space Administration (CNSA) - e esperam lançar uma estação espacial em 2020, o ano em que a Estação Espacial Internacional (ISS) está marcada para fechar. Caso o plano realmente ocorra, a China será, em 2020, a única nação com seres humanos no espaço. O país enviou seu primeiro astronauta ao espaço em 2003, 40 anos depois dos Estados Unidos e Rússia. O plano chinês é começar com a Lua para depois explorar Marte e Vênus.
 
 
Agradecimentos a:
Paulo R. Poian.
Coordenação Portal da Ufologia Brasileira 
Consultor da Revista UFO Brasil

Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Não serão aceitos comentários Anônimos (as)
Comentar somente sobre o assunto
Não faça publicidade (Spam)
Respeitar as opiniões
Palavras de baixo calão nem pense
Comentários sem Perfil não será publicado
Quer Parceria não será por aqui.(Contato no Blog)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Link - me



Software do Dia: Completo e Grátis

Giveaway of the Day

Suas Férias

PageRank

  ©LAMBARITÁLIA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo