quinta-feira, 12 de agosto de 2010

133 anos: Festa Italiana começou neste fim de semana em São Caetano



São Caetano do Sul se aproximará ainda mais de suas origens histórico-culturais nos próximos quatro fins de semanas (7, 8, 14, 15, 21, 22, 28 e 29/8), durante a realização da 18ª edição da Festa Italiana da cidade, na Praça Comendador Ermelino Matarazzo e ruas 28 de Julho e Mariano Pamplona – a entrada é gratuita. Com abertura oficial neste sábado (7/8), às 18 horas, a festividade terá barracas de 21 instituições assistenciais do município que, por sua vez, comercializarão comidas e bebidas típicas de diversas regiões italianas, como Veneto, Umbria e Puglia – a atividade iniciou no domingo (8/8). O evento integra o calendário de festejos pelos 133 anos que São Caetano completou no último dia 28.

A primeira-dama de São Caetano marcará presença na Festa Italiana, à frente da barraca do Fundo Social de Solidariedade (nº1). Ela destaca que a atividade é de grande importância às entidades que prestam assistência no município e, além disso, oferece uma excelente opção de lazer aos moradores da cidade e região. “Além de marcar uma das atividades mais tradicionais da cidade, a Festa Italiana é um evento em que as entidades assistenciais de São Caetano podem mostrar seu trabalho, angariando fundos para desenvolver suas ações.”

A barraca do Fundo Social, comandada pela primeira-dama, representará a região italiana de Veneto. Nela, o visitante encontrará deliciosos Antepastos de vários sabores (R$ 10); Polenta Frita com Queijo (R$ 5); Ravioli Recheado de Presunto e Queijos ao Sugo ou Molho Branco (R$ 12), entre outros alimentos de dar água na boca.

O muito procurado e, consequentemente, degustado sanduíche de mortadela é uma iguaria que definitivamente não vai faltar na Festa Italiana. Ele poderá ser encontrado pelos participantes na barraca 16, da Creche Oswaldo Cruz, a preços de R$ 3. Segundo estimativas do pessoal da Creche, serão produzidos quase mil desses apetitosos lanches por noite.

“Os voluntários esbanjam energia e a solidariedade é a marca das instituições, que todos os anos estão presentes e transformam o trabalho árduo e incansável em bem-estar para crianças necessitadas, idosos desamparados e famílias carentes”, observa o assessor de Gabinete da Prefeitura e um dos organizadores da Festa Italiana.

Shows – A boa música italiana também fará parte do cardápio da Festa. No sábado, Fred Rovella Show e a Banda Nostra Itália serão os responsáveis pelas canções do evento. Já no domingo, Fred Rovella Show e a Banda La Bella Itália comandarão a Festa.

Segurança – A Guarda Civil Municipal (GCM) e a Polícia Militar (PM) farão a segurança em conjunto da Festa Italiana, com apoio do Tiro-de-Guerra. Com o intuito de impedir a venda de bebidas alcoólicas a menores e garantir a segurança dos frequentadores, serão feitas patrulhas na Festa e seus arredores – as vias envolvidas na festividade terão o tráfego desviado para as ruas do entorno a partir das 17 horas, em todos os sábados e domingos do evento.

Festa Italiana: Secult cria espaço dedicado à cultura da Velha Bota
Um espaço com uma programação diversificada e repleta de atividades voltadas à história da cidade e à cultura italiana. Este é o Villa della Cultura, projeto criado pela Secretaria Municipal de Cultura (Secult) da Prefeitura de São Caetano do Sul (especialmente para integrar a 18º Festa Italiana da cidade), que abriu suas portas, no sábado (7/8), às 18h, no Museu Histórico Municipal (Rua Maximiliano Lorenzini, 122, Bairro Fundação).

Os visitantes poderão acompanhar, entre muitas atrações, um espaço literário que vai disponibilizar livros e publicações de autores italianos para todas as idades. A intenção é criar uma agradável área de leitura, com direito a um delicioso café. Outra opção dentro do Villa della Cultura é a mostra de cinema italiano que, neste ano, reverencia o cineasta Federico Fellini. As sessões acontecerão nos domingos de agosto, a partir das 18h30. A Estrada da Vida, Os Boas Vidas, A Doce Vida e Fellini 8 e meio são os filmes da programação (detalhes abaixo). Todos têm censura de 14 anos. Os ingressos poderão ser retirados com uma hora de antecedência. O local vai ganhar aspecto de cinema de época com cortinas de veludo, gongo, poltronas antigas e projetor do século passado.


Para conhecer um pouco mais sobre a cidade, os visitantes poderão embarcar em uma estação cultural, que será montada em uma das salas do museu, e viajar por um vídeo com imagens e animações que passarão pelos mais importantes acontecimentos da história do município, desde sua fundação até os dias atuais. Para atrair o público da Festa Italiana ao Villa della Cultura, um casal de atores, trajados como imigrantes italianos, vai circular entre as barracas divertindo e convidando todos ao espaço cultural. Quem visitar o local, poderá ainda tirar fotos com trajes de época.


O Villa della Cultura vai ocupar o Museu Histórico Municipal no período da Festa Italiana (7 a 29 de agosto), que acontece na Praça Ermelino Matarazzo (no mesmo bairro), aos sábados e domingos, a partir das 18h. Mais informações, na Secult, pelos telefones 4232-1237 ou 4232-1294.

Programação - Mostra de Cinema Italiano - Especial Fellini

Dia 8 (domingo). A Estrada da Vida. 100 min.
Giulietta Masina vive a ingênua Gelsomina que é vendida por sua mãe para um lutador exibicionista, o brutamontes Zampanò (Anthony Quinn). Ela passa a acompanhar e ajudar Zampanò em suas exibições. O caminho que percorrem reserva belas e trágicas surpresas para a dupla.

Dia 15 (domingo). Os Boas Vidas. 89 min.

Numa pequena cidade da Itália, cinco jovens amigos vivem uma vida boêmia cheia de bebidas e mulheres. Sem perspectivas de vida, cada um encontra um modo de escapar da monotonia da vida provinciana tentando aproveitar e curtir as aventuras que esse mundo os reserva.

Dia 22 (domingo). A Doce Vida. 167 min.

A Doce Vida é a grande obra-prima do mestre Federico Fellini e também um dos maiores filmes da história do cinema. Na Roma do início dos anos 60, o jornalista Marcello (Marcello Mastroianni) vive entre as celebridades, ricos e fotógrafos. Neste mundo marcado pelas aparências e por um vazio existencial, ele descobre um novo sentido para a vida.
Dia 29 (domingo). 8 ½. 145 min.
Prestes a rodar sua próxima obra, o cineasta Guido Anselmi (Marcello Mastroianni) ainda não tem ideia de como será o filme. Mergulhado em uma crise existencial e pressionado pelo produtor, pela mulher, pela amante e pelos amigos, ele se interna em uma estação de águas e passa a misturar o passado com o presente, ficção com realidade.


Seja o primeiro a comentar!

Postar um comentário

Não serão aceitos comentários Anônimos (as)
Comentar somente sobre o assunto
Não faça publicidade (Spam)
Respeitar as opiniões
Palavras de baixo calão nem pense
Comentários sem Perfil não será publicado
Quer Parceria não será por aqui.(Contato no Blog)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Link - me



Software do Dia: Completo e Grátis

Giveaway of the Day

Suas Férias

PageRank

  ©LAMBARITÁLIA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo