sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Vôos Transpolares - Um atalho através do Ártico


Nos últimos dez anos, algumas linhas aéreas começaram a usar rotas comerciais através do Pólo Norte como uma alternativa para economizar tempo e combustível. Eles começaram a estuda-las na década de 90, depois que a Rússia decidiu abrir as suas fronteiras e os aviões puderam  atravessar seu espaço aéreo. Voos de hoje em todo o círculo Ártico são distâncias de mais de 15 mil quilômetros e podem ganhar até quatro horas de vôo em algumas rotas. No entanto, o fato é que há uma série de riscos bem definidos tanto para a segurança do avião e da saúde dos seus ocupantes. 

Através da noite
Apesar dos avanços técnicos, voar sobre o Oceano Ártico ainda se tem alguns desafios. Explica Leo  Brooks, veterano piloto da Continental Airlines, os aviões voam a cerca de 12 mil pés de altitude e passam a uma distância de cerca de 100 milhas à direita ou à esquerda do Pólo Norte. Uma vez no céu do Pólo Norte, o avião entra em uma espécie de zona escura onde não há sistemas de controle de tráfego aéreo de radar ou convencionais. Se o avião cair ou tiver um problema técnico neste lugar, estaria muito longe de qualquer lugar habitado e que o auxílio pode demorar horas para chegar.



Além disso, durante a viagem transpolar , os pilotos usam um antigo sistema de rádio- posicionamento  para manter o controle do avião e seguir uma trajetoria milímetricamente computadorizada. Outro perigo, segundo Brooks, é o congelamento do combustível . Para este efeito, os dispositivos possuem um sistema de alarme sofisticados para detectar quando o combustível começa a se solidificar, obrigando o piloto a alterar a rota e ir para altitudes menos fria.


Atualmente, a United Airlines - é líder neste tipo de voos entre os EUA e a Ásia - faz até 1.500 vôos  transpolar por  ano. Seguido por outras, como a Continental Airlines (796), e a Air Canada (515) e algumas companhias aéreas da Ásia, como Air China e Singapore Airlines. Por esta nova rota, um trajeto de Nova York a Hong Kong vão diminuir até cinco horas de vôo. Outra rota, como Toronto a Pequim é coberto em quatro horas a menos do que através dos canais tradicionais.


 Níveis Preocupantes de radiação 
Mas essa economia de tempo e dinheiro para as empresas tem outra contrapartida, é a saúde dos viajantes. Segundo alguns estudos, os passageiros e tripulantes dos voos transpolar estão expostos a níveis de radiação cósmica e solar elevada. O físico americano Robert Barish diz que o nível de radiação recebida por cada uma dessas viagens é equivalente a três radiografias, uma quantia bem acima do limite recomendado pelas normas europeias e outras organizações internacionais.

De acordo com especialistas, o motivo que estas radiações são particularmente elevadas nestes vôos está na atração magnetica  que as regiões polares exercem sobre as partículas procedentes do espaço. Além disso, o empobrecimento alarmante da atmosfera em ambos os pólos agrava o efeito.

Estas doses de radiação são particularmente elevadas em vôo convencional. Na verdade, certos tipos de câncer são estatisticamente mais comuns em pilotos e tripulantes de voo do que o pessoal de terra. E algumas empresas europeias têm adotado uma política de permanência em terra de suas funcionarias grávidas.


As empresas com vôos transpolar não informam os passageiros sobre esses riscos, mas dizem que tomam medidas, como a medição contínua da radiação solar. Algumas empresas como a Continental e a United Airlines começou a desviar a aeronave para áreas menos expostas à radiação, e os pilotos e mais os especialistas que exigem que sejam tomadas medidas sobre o assunto.


Mais: 1, 2, 3, 4, 5, 6

 


fonte: http://www.fogonazos.es/

2 Comentários:

Dom Pacheco disse...

Pura balela. O almirante Byrd da marinha americana cruzou os dois polos em 1947 e 1956 respectivamente, o que ele descobriu definiu como "a maior descoberta do século", a saber, que a terra é oca e com vida no seu interior. Por isso que ficam inventando mentira pra ninguém acessar os polos, porque lá estão as duas maiores entradas para a terra oca!

Pilates Feet disse...

Onde tu viu isso..me mostra fiquei curioso

Postar um comentário

Não serão aceitos comentários Anônimos (as)
Comentar somente sobre o assunto
Não faça publicidade (Spam)
Respeitar as opiniões
Palavras de baixo calão nem pense
Comentários sem Perfil não será publicado
Quer Parceria não será por aqui.(Contato no Blog)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Link - me



Software do Dia: Completo e Grátis

Giveaway of the Day

Suas Férias

PageRank

  ©LAMBARITÁLIA - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo